Intervenção multidisciplinar em pacientes com síndrome metabólica de um hospital universitário de Petrolina-PE: vivências de um projeto de extensão

  • Leonardo Majdalani Sacramento e Nascimento
  • Armida Portela D’Albuquerque Lima
  • Izabelle Silva de Araujo
  • Paula Andreatta Maduro
Palavras-chave: Síndrome metabólica, Mudança de estilo de vida, Atividade extensionista

Resumo

A Síndrome Metabólica (SM) é descrita como um conjunto de desordens metabólicas e fatores de risco cardiovascular, decorrentes da obesidade. O HU-UNIVASF/EBSERH, como hospital de referência do Vale do São Francisco, que atende exclusivamente pelo Sistema Único de Saúde, identificou nos usuários do ambulatório uma necessidade de intervenção em pacientes que apresentam SM. Foi criado um Projeto de Extensão por uma equipe multidisciplinar de colaboradores do hospital incluindo médicos, fisioterapeuta, profissional de educação física, psicólogo, nutricionista, farmacêutica e biomédica, além de alunos bolsistas e voluntários com o objetivo de promover uma mudança de estilo de vida (MEV) a pacientes encaminhados a partir da avaliação médica. A MEV baseia-se em intervenção a 20 usuários, com periodicidade semestral, divididos em dois grupos de 10, submetidos a atividades físicas, acompanhamento, nutricional e psicológico semanal. Espera-se com este projeto contribuir para a promoção de hábitos saudáveis e melhora da qualidade de vida desta população.

Publicado
2019-10-12
Seção
Relatos de Experiência