EDUCAÇÃO E APRENDIZAGEM

A TEORIA DA APRENDIZAGEM SIGNIFICATIVA EM DAVID AUSUBEL

  • Liércio Pinheiro de Araújo Mestrado em Educação/Universidade Cidade de São Paulo - Prof. da UNCISAL
  • Robson Lúcio Silva de Menezes Prof. da Universidade Estácio de Sá
Palavras-chave: Aprendizagem, Ausubel, Mapas conceituais, Cognição

Resumo

Este trabalho discute ateoria cognitivada aprendizagem significativa desenvolvida por DavidAusubel,onde se pretende explicaro processamento cognitivointernoque ocorre naaprendizagem.Novas informações sãoprocessadas econceitos são ancorados, de formarelevante, duranteo processo de aquisiçãodo conhecimento. Assim, este trabalho enfatiza o papel da estrutura cognitiva do aluno na aquisição de novas informações através da utilização de mapas conceituais. A teoria de David Ausubel propõe que a experiência presente é sempre montada no que o aluno já sabe, e ressalta que a estrutura cognitiva existente, que é a organização, a estabilidade de um indivíduo, a clareza de conhecimento em um campo determinado e em determinado momento é o principal fator que influencia a aprendizagem e a retenção significativa de um novo material. A estrutura cognitiva que é clara e bem organizada facilita a aprendizagem e a retenção desses conhecimentos. Assim, um mapa conceitual proporciona uma visão idiossincrática do criador sobre o fato a que se alude, ideia desenvolvida por Joseph Novak (2010). Quando o sujeito concebe um mapa, ele expressa a sua visão madura e clara sobre um tema. Dessa forma, quando um aluno ou professor constrói o seu mapa cognitivo, ele amplia e experimenta a sua capacidade de apreender as generalidades e distinções do ponto escolhido. Ele pode construir uma hierarquia conceitual, desde as características mais gerais até as mais específicas, tornando visível a diferenciação progressiva. Dessa forma, a teoria da aprendizagem significativa de Ausubel e a elaboração de mapas conceituais de Novak tornam-se um estudo de referência no campo da aprendizagem e da inteligência, que formam a base da integração de pensamentos construtivos, sentimentos e ações.

Biografia do Autor

Liércio Pinheiro de Araújo, Mestrado em Educação/Universidade Cidade de São Paulo - Prof. da UNCISAL

Mestrado em Educação

Robson Lúcio Silva de Menezes, Prof. da Universidade Estácio de Sá

Especialista em Metodologia do Ensino Superior/CESMAC

Prof. da Universidade Estácio de Sá (Alagoas)

Publicado
2019-04-17
Como Citar
de Araújo, L., & Menezes, R. L. (2019). EDUCAÇÃO E APRENDIZAGEM. Revista De Educação Do Vale Do São Francisco, 9(19), 04-25. Recuperado de http://www.periodicos.univasf.edu.br/index.php/revasf/article/view/468
Seção
Artigos