https://www.periodicos.univasf.edu.br/index.php/dramaturgiaemfoco/issue/feed Dramaturgia em foco 2024-07-22T18:24:59+00:00 Revista Dramaturgia em Foco revistadramaturgiaemfoco@gmail.com Open Journal Systems <p>A <strong>Dramaturgia em foco</strong> (ISSN 2594-7796), Qualis B3 no quadriênio 2017-2020, dedica-se à publicação de textos acadêmicos (artigos, relatos e ensaios) cujas análises se concentrem na dramaturgia em si ou na dramaturgia comparada a outros textos, outras artes e mídias. Conta também com seções específicas para traduções, peças curtas originais e entrevistas. A periodicidade da revista é semestral. Sua criação está vinculada ao Grupo de Pesquisa Narrativas e Visualidades (CNPq-Univasf).</p> https://www.periodicos.univasf.edu.br/index.php/dramaturgiaemfoco/article/view/2812 "Marcharei no papel!" 2024-06-05T14:25:51+00:00 Thomas Keith telliottk@gmail.com Fulvio Torres Flores (tradução) fulvio.flores@univasf.edu.br <p class="western" align="justify"><span style="font-family: Book Antiqua, serif;"><span style="font-size: small;">O artigo explora as dimensões políticas na obra de Tennessee Williams, elucidando como dinâmicas sociais e de poder podem ser encontradas em suas composições literárias, com especial atenção às suas produções teatrais. Apesar de não ser considerado hegemonicamente um escritor político, os valores e as crenças de Williams estão evidentes em sua vida privada e pública. Criado em uma família democrata no Sul, votou no candidato socialista em 1932, identificando-se com o socialismo ao longo da vida. Renomado dramaturgo, Williams teve vários envolvimentos políticos durante sua carreira. Mesmo sem afiliações políticas claras, expressou afinidade com a boemia. Após o sucesso, continuou criticando os Estados Unidos do pós-guerra, a corrupção e o racismo no Sul. Evitando abordagens diretas, preferiu a complexidade, destacando a ambiguidade nas relações humanas e incorporando nuances políticas em suas obras.</span></span></p> <p lang="en-US" align="justify"> </p> <p lang="en-US" align="justify"><span style="font-family: Book Antiqua, serif;"><span style="font-size: medium;"><strong>Abstract</strong></span></span></p> <p lang="en-US" align="justify"> </p> <p class="western" lang="en-US" align="justify"><span style="font-family: Book Antiqua, serif;"><span style="font-size: small;">The article explores the political dimensions in Tennessee Williams’s body of work, elucidating how social and power dynamics can be found in his literary compositions, with special attention to his theatrical productions. Although not overwhelmingly considered a political writer, Williams’s values and beliefs are evident in his private and public life. Raised in a Southern Democratic family, he voted for the socialist candidate in 1932, identifying with socialism throughout his life. A renowned playwright, Williams had various political involvements during his career. Instead of clear political affiliations, he expressed an affinity for bohemia. After achieving success, he continued to criticize post-war United States, corruption, and racism in the South. Avoiding direct approaches, he preferred complexity, emphasizing ambiguity in human relationships and incorporating political nuances into his works.</span></span></p> 2024-07-22T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2024 Dramaturgia em foco