REFLEXÕES SOBRE A PATERNIDADE

UMA ANÁLISE SÓCIO-HISTÓRICA

Autores

  • Heleno Pereira-Nunes Autarquia Educacional de Serra Talhada
  • Lucivanda Calvancante Borges de Sousa Universidade Federal Vale do São Francisco
  • Robson Aparecido da Costa Silva Universidade Federal de Alagoas

Palavras-chave:

Paternidade, Relações familiares, Mudanças histórico-sociais

Resumo

A presente pesquisa objetiva tecer reflexões acerca da paternidade, compreendendo as alterações decorrentes das mudanças histórico-sociais em razão das constantes transformações que vêm ocorrendo no meio familiar. Partimos de uma revisão da literatura, por meio de artigos científicos brasileiros, publicados em língua portuguesa, referenciados entre 2010 a 2020 e localizados a partir da plataforma de busca da Google Acadêmico, utilizando os descritores: paternidade + relações familiares e paternidade + histórico-sociais. Os resultados encontrados evidenciam que: a paternidade é uma circunstância da vida e da existência humana; que esse conceito está sempre em constantes transformações e modificações, inclusive adquirindo novos contornos e novas interpretações, dadas as mutações sociais ocorridas na sociedade contemporânea.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Heleno Pereira-Nunes, Autarquia Educacional de Serra Talhada

Mestre em Psicologia pela Universidade Federal Vale do São Francisco - UNIVASF (2015 - 2017). Especialista em Desenvolvimento Infantil - Universidade Vale do São Francisco - 2018. Especialista em Mídias na Educação pela Universidade Federal Rural de Pernambuco - UFRPE (2009 - 2012). Especialista em Psicologia Clínica de Orientação Psicanalítica pela Universidade Estadual de Campinas - UNICAMP/SP (2009 - 2010). Atualmente é Professor Titular da Autarquia Educacional de Serra Talhada - PE, lotado na Faculdade de Ciências da Saúde de Serra Talhada/FACISST ( desde 2013). Diretor Pedagógico da FACISST (desde 2018). Coordenador do Curso de Psicologia da FACISST. (2017 e 2018.1). Supervisor de Estágio Obrigatório em Psicologia Clínica de Orientação Psicanalítica e Psicologia Social da FACISST (desde 2014). Professor Colaborador do Curso de Bacharelado em Medicina da Universidade de Pernambuco - Campus - Serra Talhada ( desde 2017). Professor Mediador nos cursos técnicos do NEAD/CODAI - Universidade Federal Rural de Pernambuco (2017). Professor-Tutor do curso de Licenciaturas e Pós-Graduação do Instituto Federal de Pernambuco (desde 2012) Revisor/Avaliador do Periódico Caravana do Instituto Federal de Pernambuco - (IFPE). Professor Formador do Curso de Docência em Biologia - Universidade Federal Vale do São Francisco. Professor Formador da Escola de Serviço Público do Estado da Paraíba - ESPEP/PB (2018). Consultório Particular em Psicologia Clínica, desde 2009. Tem experiência em Psicologia nas seguintes temáticas: infância, adolescência, clínica interventiva, oficinas, orientação profissional, sociedade, debate, extensão, representações sociais, masculinidade, paternidade, família, abuso sexual, psicanálise, seleção, competências, recursos humanos. Pesquisador do Grupo de Pesquisa Dadá - Relações de Gênero, Sexualidade e Saúde da Universidade Federal Rural de Pernambuco - UAST. Membro Pesquisador do Grupo de Pesquisa Educação e Desenvolvimento da Universidade Federal do Vale do São Francisco - UNIVASF. Desenvolve pesquisa nas áreas de Psicologia Social, Psicologia Clínica, Psicologia do Desenvolvimento, Saúde Coletiva, Saúde Mental e Educação.

Lucivanda Calvancante Borges de Sousa, Universidade Federal Vale do São Francisco

Atualmente é professora do curso de graduação em Psicologia e pós graduação stricto sensu em Psicologia da Universidade Federal do Vale do São Francisco. Tem experiência na área de Psicologia, com ênfase em Psicologia do desenvolvimento e psicologia escolar/educacional, atuando principalmente nos seguintes temas: interação social, metas de socialização e desenvolvimento infantil, parentalidade e cultura.Possui graduação em Psicologia pela Universidade Federal da Paraíba, Doutorado e Mestrado em Psicologia Social pela Universidade Federal da Paraíba.

Robson Aparecido da Costa Silva, Universidade Federal de Alagoas

Robson Aparecido da Costa Silva é graduado em psicologia pela Faculdade de Ciências da Saúde de Serra Talhada (FACISST-2017), especialista em micropolítica da gestão e do trabalho em saúde pela Universidade Federal Fluminense (UFF-2018) e Mestrando pelo Programa de Pós-Graduação stricto senso em Psicologia da Universidade Federal de Alagoas (UFAL 2020-2021). Atualmente integra o DADÁ: Grupo de Pesquisa em Relações de Gênero, Sexualidade e Saúde da Universidade Federal Rural de Pernambuco, Unidade Acadêmica de Serra Talhada (UFRPE/UAST, desde 2017). Possui qualificação em gestão local de desastres naturais para a atenção básica pela Universidade Federal de São Paulo (UNIFSP-2019), em gestão da clínica na atenção básica pela Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre (UFCSPA -2019) e em atenção à saúde mental do homem, pela mesma universidade. Extensão universitária em transtornos mentais graves e persistentes pela Universidade Federal do Maranhão (UFMA -2019) e promoção do uso racional de medicamentos pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC-2019). No decorrer de sua formação vem atuando nas áreas de psicologia social, psicologia clínica, gestão e trabalho em saúde, bem como, se debruçando nos estudos e pesquisas relativos a saída do armário entre jovens e adolescentes gays e as implicações psicossociais envolvidas nesse processo. 

Downloads

Publicado

2021-04-04

Como Citar

Pereira-Nunes, H., Calvancante Borges de Sousa, L. ., & Aparecido da Costa Silva, R. . (2021). REFLEXÕES SOBRE A PATERNIDADE: UMA ANÁLISE SÓCIO-HISTÓRICA. Revista De Educação Da Universidade Federal Do Vale Do São Francisco, 11(24). Recuperado de https://www.periodicos.univasf.edu.br/index.php/revasf/article/view/1085

Edição

Seção

Artigos