ABORDAGEM DO BULLYING NO ENSINO FUNDAMENTAL ATRAVÉS DE METODOLOGIAS ATIVAS

UM RELATO DE EXPERIÊNCIA

Autores

  • Mayara Marques de Santana Universidade Federal do Vale do São Francisco - Campus Paulo Afonso
  • Vitória Santos da Silva Universidade Federal do Vale do São Francisco - Campus Paulo Afonso
  • Ana Júlia Alves da Silva Universidade Federal do Vale do São Francisco - Campus Paulo Afonso
  • Anna Clara Oliveira Silva Universidade Federal do Vale do São Francisco - Campus Paulo Afonso
  • Crislayne Kaline Alves de Oliveira Universidade Federal do Vale do São Francisco - Campus Paulo Afonso
  • Anacely Guimarães Costa Universidade Federal do Vale do São Francisco - Campus Paulo Afonso

Palavras-chave:

Bullying, Educação em saúde, Populações vulneráveis

Resumo

O bullying se caracteriza por ações agressivas e repetitivas, praticadas por uma ou mais pessoas, que objetivam inferiorizar a vítima em seus atributos físicos e intelectuais, sendo a sua ocorrência frequente em espaços escolares. A partir da concepção de que escola é um espaço de construção do conhecimento, promotor de oportunidades para exploração de temas que contribuam para a qualidade de vida de seus educandos, temáticas que suscitem reflexão e aprimoramento do comportamento devem ser priorizadas nesses espaços. Diante disso, as metodologias ativas se mostram como estratégias eficazes ao promoverem a participação ativa discente na construção do saber, além de estimular o desenvolvimento de autonomia, de postura crítica sobre o meio em que está inserido. Trata-se de um relato de experiência baseado na aplicação do jogo “Vigilantes do Bullying”, adaptado por discentes do curso de medicina da Universidade Federal do Vale do São Francisco - Paulo Afonso, para estudantes do ensino fundamental de uma escola pública. A dinâmica possibilitou o compartilhamento, por parte dos discentes, de experiências sobre as formas de violência na escola.  Reflexões foram propostas pelos aplicadores com o objetivo de construir habilidades, atitudes e conhecimentos capazes de identificar e combater a prática do bullying, propondo alternativas para a busca de ajuda diante destas situações. Percebeu-se que utilizar uma atividade lúdica atrelada às metodologias ativas é uma proposta coerente para a promoção de um ambiente saudável e propositivo de ensino-aprendizagem sobre o bullying e sua relação com pautas como sexismo, identidade de gênero, orientação sexual e racismo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2022-04-23

Como Citar

de Santana, M. M., Santos da Silva, V. ., Alves da Silva, A. J. ., Oliveira Silva, A. C. ., Alves de Oliveira, C. K. ., & Guimarães Costa, . A. . (2022). ABORDAGEM DO BULLYING NO ENSINO FUNDAMENTAL ATRAVÉS DE METODOLOGIAS ATIVAS: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA. Revista De Educação Da Universidade Federal Do Vale Do São Francisco, 12(27). Recuperado de https://www.periodicos.univasf.edu.br/index.php/revasf/article/view/1675

Edição

Seção

Relatos de Experiências